Rastreador Veicular: Saiba porque você precisa de um Urgente

Aproximadamente um veículo é roubado ou furtado no Brasil a cada minuto. São os dados levantados pelo Fórum Brasileiro de Segurança, de 2016. O estudo ainda apontou que, em 2 anos, mais de 1 milhão de carros foram roubados no país.

Esses são apenas alguns dos motivos que não dá para deixar para lá a questão da segurança do seu veículo. E para garanti-la e assegurar a sua tranquilidade, uma das melhores estratégias é contar com um bom rastreador veicular no seu automotor.

Confira a seguir outros dos principais motivos pelos quais você precisa de um urgente de um rastreador veicular!

rastreador veicular

Motivos para não deixar de ter um rastreador veicular no seu veículo!

 

  • Índices altos de roubos e furtos no país

Conforme os dados explanados anteriormente, o número e a frequência dos casos de roubos e furtos de veículos no Brasil são realmente alarmantes. A possibilidade de você fazer parte dessas estatísticas não é baixa.

Um bom rastreador veicular pode evitar que você entre para essa contagem assustadora de crimes, protegendo você e o seu bem.

 

  • Recuperação do seu veículo

Praticamente todas as empresas de rastreador veicular conseguem bloquear o funcionamento do veículo roubado ou furtado. Com isso, o assaltante acaba desistindo do crime, já que não consegue mais guiar o veículo.

Depois disso, a empresa responsável pelo monitoramento e rastreamento localiza o veículo. O proprietário, então, consegue recuperá-lo.

De acordo com empresas de rastreamento e seguradoras, o índice de recuperação de veículos ultrapassa os 90% dos casos de roubos e furtos.

 

  • Preços acessíveis

Apesar de ser um serviço supermoderno e que funciona 24 horas, ter um rastreador veicular não costuma custar caro. A segurança que ele oferece, obviamente, compensa muito o preço.

Geralmente, o cliente paga pelo rastreador (ou não) e arca com taxas mensais acessíveis, pelo serviço de vigilância à distância do veículo. Caso o cliente deseje, muitas das empresas de rastreador veicular oferece serviços adicionais, que podem ser adquiridos à parte, como indenização no caso da não recuperação do veículo, assistência técnica, entre outros.

  • Preços mais baixos nos seguros

Muitas empresas seguradoras levam em conta o fato de o veículo contar com um rastreador veicular. Isso, porque, obviamente, esse automotor corre menos risco de ser levado por assaltantes.

Assim, o valor da apólice e das mensalidades do seguro auto podem sair mais em conta para o contratante.

  • Mais segurança pessoal

Alguns casos de roubos e furtos podem acontecer quando o motorista e os passageiros estão dentro do veículo. Para esses casos, a empresa do rastreador instala botões discretos de alarmes, que avisam a Central que o veículo está sendo roubado ou furtado com pessoas dentro dele.

Como as empresas de rastreamento possuem convênios com órgãos como a Polícia Militar, Civil e Federal, essas equipes são prontamente avisadas sobre a ocorrência. Em pouco tempo, motoristas e passageiros receberão o atendimento e o apoio desses profissionais, que estarão preocupados com o veículo, mas muito mais com a vida e a integridade das vítimas.

  • Proteção para cargas

O rastreador veicular também é um excelente recurso para caminhões e veículos que transportam cargas. Isso porque, caso o veículo for roubado ou furtado com o carregamento na caçamba, a mercadoria dificilmente é perdida.

E assim como acontece com os outros veículos rastreados pela empresa, o automóvel é bloqueado em casos e furtos. O criminoso, então, acaba por desistir do crime, abandona o veículo e o proprietário consegue recuperá-lo.

Caso haja vítimas dentro do veículo, como motoristas, a empresa rastreadora pode acionar os serviços de policiamento, para garantir a segurança da pessoa.

  • Mesmo preço para veículos com qualquer ano de fabricação

O seu veículo é antigo? Isso não costuma ser levado em consideração por empresas de rastreador veicular. O proprietário também não costuma pagar a mais pelo serviço por ter um veículo considerado velho.

O proprietário consegue garantir a segurança de seu automotor pelos mesmo preços pagos pelos donos de veículos novos. Não costumam haver distinções, como acontece com os serviços de seguro de autos.

  • Segurança para motocicletas

Motocicletas são veículos que correm muito mais risco de serem roubados ou furtados do que os outros. Isso devido a sua vulnerabilidade e facilidade de deslocamento.

Tanto que, muitas seguradoras, nem fazem seguro para motocicletas ou, então, cobram preços exorbitantes pelas mensalidades. Porém, com o rastreador veicular o procedimento é outro.

As taxas do serviço e do equipamento não costumam ter valores impraticáveis para o motociclista. Geralmente, um dispositivo que não usa a carga da bateria da moto é acoplado no veículo e o monitoramento, rastreamento e bloqueio funcionam da mesma maneira do que para os demais tipos de automotores.

  • Evita desvio de rotas

O rastreador veicular também é uma excelente opção para empresas que costumam alugar veículos. No contrato, ela pode definir com o locatário a rota que o automotor vai seguir e, assim, monitorar se esse trajeto combinado está sendo realmente respeitado.

Isso evita que pessoas mal-intencionadas façam rotas não programadas com o veículo alugado pela empresa. Além disso, garante economia com o combustível, quilometragem, taxas de pedágios e a segurança do automotor e dos passageiros.

DISPONIBILIDADE VIVO FIBRA: COMO DESCOBRIR SE JÁ CHEGOU NA SUA CASA

Quem não quer um serviço de acesso à internet e TV por assinatura com ultravelocidade e baixa incidência de interferências ou interrupções? Pois isso tudo isso já é possível, com a tecnologia exclusiva da Vivo Fibra Ótica.

Antes de saber se essa exclusividade já chegou na sua casa, veja o porquê ela é tão especial!

DISPONIBILIDADE VIVO FIBRA

Como funciona a Vivo Fibra

A tecnologia usada atualmente pela Vivo é considerada a mais moderna quando o assunto é serviço de acesso à web e a TV por assinatura. A Fibra Ótica se trata se uma estrutura cilíndrica com a espessura similar a um fio de cabelo.

Além disso, é composta por um vidro transparente e totalmente flexível – o que permite uma instalação fácil e rápida. Os sinais são enviados para essa estrutura, por meios de raios laser – o que permite atingir altas velocidade, comparadas às da luz. Incrível, não é mesmo?

A Vivo Fibra oferece ao consumidor velocidades variadas no acesso à internet, que vão de 50 a 200 Mb/s. Também dispõe de 25 a 100 Mb/s para uploads.

Com isso, o assinante conta com um serviço de TV por assinatura e acesso à internet muito superior a aqueles que ainda são proporcionados por cabos – como acontece com a maioria das outras operadoras do país. Com a Vivo Fibra, os serviços ganham desempenho muito melhor e altíssima velocidade – além de sofrer mínimas interferências, mesmo sob condições climáticas desfavoráveis.

A Vivo Fibra também é o serviço ideal para quem costuma jogar online, devido a performance da web e precisão de imagens reproduzidas pela tecnologia. Ainda oferece ao assinante downloads e streamings ilimitados, que não são descontados da franquia de consumo.

Como descobrir se a Vivo Fibra já chegou na sua casa

A pretensão da operadora é, que em breve, a tecnologia Vivo Fibra esteja em todo território nacional. No entanto, a expansão deve acontecer gradativamente. Até o final de 2017, a Vivo Fibra já estava presente em mais de 17 dos 26 estados brasileiros.

Acesse o site da Vivo Fibra e descubra se essa nova tecnologia já chegou na sua casa. Basta colocar o nome da sua cidade e buscar.

Como Decorar a Área da Piscina

Não sabe como decorar a área da piscina e tornar o cantinho do lazer mais aconchegante para toda a família e amigos? Pensando nisso, reunimos algumas dicas bem legais que tornam o ambiente mais gostoso e bonito sem deixar de lado.

Como Decorar Paredes da Área Externa

Para quem tem piscina em casa a área costuma receber bastante atenção principalmente nos meses de verão. O churrasco e os momentos de lazer com os amigos e com a família se tornam mais constantes e a preocupação com a decoração desse ambiente aumenta.

Dicas para Decorar a Área da Piscina

Os decks de madeira são os mais tradicionais e se utilizados em harmonia com os móveis já garantem ao ambiente um ar de sofisticação. Nos últimos anos, novos materiais têm sido usados, tanto por serem mais econômicos como mais resistentes, como o porcelanato e o piso cimentício. Além disso, são feitos de materiais reciclados, ajudando na preservação do meio ambiente.

Os móveis mais indicados para decorar área externa da piscina devido à resistência e também pelo estilo são os de fibra sintética. A aposta em cores básicas como o branco, apesar de ainda prevalecer, não precisa necessariamente ser seguida à risca, já que este é um ambiente de descontração.

A utilização de camas redondas, geralmente decoradas com várias almofadas tem sido amplamente difundida, juntamente com as espreguiçadeiras, dando um ar mais sofisticado e garantindo um cantinho de descanso na sua área de lazer. Ótimas almofadas podem ser compradas em lojas de revenda de almofadas.

Não tem como negar que a piscina por si só já garante um clima agradável. Porém, deve-se considerar a possibilidade de usar cascatas, bar molhado e desenhos formados pelos azulejos no fundo para tornar o ambiente inusitado. A utilização de lâmpadas de led dentro da piscina durante a noite ajuda na decoração de toda a área.

Criar um ambiente aconchegante na hora de decorar área externa da piscina também depende de fatores como a harmonia com a natureza. Desde a grama básica até projetos com árvores, criação de jardins suspensos e uso de pedras ajudam a enriquecer o ambiente. O investimento na iluminação através, por exemplo, das lâmpadas de led, volta a atenção para o local.

A área externa da nossa casa merece tanta atenção quanto as partes internas. Muitas vezes é o local onde mais recebemos visitas e mais passamos tempo durante as férias. Todo mundo deseja ter um ambiente que seja acolhedor, no entanto, nem sempre é necessário estourar o orçamento para garantir que o mesmo fique a nossa cara.

5 Dicas simples para ser mais saudável

5 Dicas simples para ser mais saudável

Projeto Verão
Projeto Verão

Hoje em dia cada vez mais estamos preocupados com a nossa saúde e bem estar, as vezes nem imaginamos que hábitos simples podem nos ajudar e muito nesse grande objetivo. Pensando nisso, preparamos esse texto com 5 dicas simples para ser mais saudável e alcançar uma melhor qualidade de vida.

  • Pense um pouco em suas refeições

Certa vez fui a uma palestra do famoso Dr. Dráuzio Varela em que ele disse a seguinte frase: “comida boa e saudável é aquela que sua Vó faz”, ele continuou explicando que muito além de pensar nas dietas da moda, cortar o glúten, dieta low carb, e outras dietas malucas, o importante é pensar e comer a maior variedade possível, obviamente com moderação.

Ou seja, não precisamos cortar tudo ou seguir dietas mirabolantes propostas pelo blogueiro famoso, devemos apenas prestar mais atenção no que estamos consumindo.

  • Priorize a qualidade do seu sono

Parece uma coisa óbvia, mas estamos na correria do dia a dia que as vezes não prestamos atenção no que pode estar prejudicando nessa hora que deveria ser sagradas (risos). Mas pequenas mudanças podem nos ajudar e muito nessa hora.

Não fique em eletrônicos cerca de meia hora antes de dormir, priorize atividades mais calmas como ler, por exemplo. Evite refeições pesadas antes de ir para cama, mais uma dica da sua Vó que você precisa voltar a seguir se quiser ter uma qualidade de vida melhor.

  • Se exercite!

Achou que um texto desses não tocaria no assunto exercício físico? Pois achou errado, que mesmo tendendo a ser sedentário, temos que reconhecer que exercitar faz um bem enorme.

Desde que o humano não precisou mais correr e ser esforçar para ter a própria comida o exercício físico tem sido um desafio pra todos.

Mas não precisa ser um maratonista ou um super atleta, um pouquinho já vai bem, caminhadas diárias no parque perto da sua casa, um passeio diário de bike, mas trate isso como uma boa rotina.

Tem um texto interessante que li recentemente dando umas dicas para os sedentários de plantã, confere lá: www.dayoffclub.com.br/4-dicas-para-o-projeto-verao/.

  • E como anda sua saúde mental?

Essa é outra coisa simples que não paramos para prestar atenção, a nossa saúde mental, que no fim do dia é quem somos nós, não é mesmo?

Atitudes simples podem fazer toda diferença, tirar alguns minutos por dia desconectados, sem contato nenhum com as redes sociais, ou redes de ansiedade podem gerar um bem enorme.

Alguns minutos de auto questionamentos sadios podem te proporcionar imenso autoconhecimento.

  • Veja o copo meio cheio

Pessoal, juro que não é clichê, mas veja o copo meio cheio sempre que possível, o tempo todo acaba ficando meio chato até, mas vale a pena fazer esse exercício. O pessimismo vai te corroendo aos poucos, não faz bem nem a você nem para quem estiver a sua volta, então busque vero lado bom de cada experiência, no mínimo ficou o bom aprendizado para não errar mais.

Enfim gente, espero ter contribuído um pouquinho para que vocês tenham uma vida um pouco mais saudável, e consequentemente mais feliz.

5 DICAS DE ENGAJAMENTO NO INSTAGRAM

Após publicar novos negócios, como você faz a propaganda desta publicação?

 

Instagram acaba sendo uma das mídias mas utilizadas pelos fotógrafos para publicar suas fotografias. Porém, com as mudanças constantes no algoritmo esta mídia social deixou de mostrar as postagens por ordem cronológica  passou a adotar parâmetros baseados nos hábitos e/ou preferências de qualquer “curtidor”.

 

Logo, se torna fundamental permanecer de olho em pequeno número de métodos com finalidade de, suas postagens continuem sendo um ressalto na timeline de seus seguidores. Separamos 5 dicas para você ter ainda mas sucesso no Instagram:

comprar-curtidas

 

1) Integre o Instagram ao seu website e ou blog.

Em seu Web site ou blog você deve mostrar as últimas fotografias que postou no Instagram.

 

2) Mude o seu perfil para “comercial”

Ao mudar o seu perfil pessoal para uma conta insta-comercial, o Instagram disponibiliza várias estatísticas de desempenho que autorizam que você:

 

  • Pense numa estratégia para conteúdos melhores;
  • Disponibiliza os horários quando as publicações têm melhor engajamento;
  • Deixa que você adicione botões de Call To Action com o propósito de os compradores entrem em contato por correio eletrônico ou telefone.
  • Estimule seus seguidores a ter mas ações em seu perfil com os botões de contato

3) Use hashtags, porém com moderação

As boas práticas para não ser sabotado pelo novo algoritmo indicam que você use hashtags, porém com moderação. Desta forma, escolha unicamente 5 das diversas que você costumava utilizar. Uma outra orientação é ter as hashtags nas legendas das fotografias  não mas nos comentários. As fotografias que utilizam a método de ter nos comentários não aparecem mas no motor de busca.

 

As hashtags autorizam que você atinja novos públicos  até interrelacionar com novos compradores. Faça uma busca com as que mas possui a ver com o seu público-meta e inclua elas em seu post. Zelo com hashtags com palavras extremamente genéricas. Elas podem atrair somente seguidores que buscam likes recíprocos que não estão preocupadas com o teor.

 

Para produzir ainda mais proximidade entre os compradores saber o trabalho de seus compradores, crie uma #própria. Ela deixa que você interaja e acabe conhecendo os conteúdos de outros fotógrafos que fazem secção de nossa comunidade.

4) Faça vários stories

Está fazendo um experimento? Registre poucos momentos nos stories. Não se esqueça de que os conteúdos ao “agitados’ também são essenciais, tais como boomerang, e afins. Está fotografando qualquer natalício? Que tal mostrar número reduzido do making of ?

 

Que tal aproveitar para fazer também stories animados?

Os stories estão ganhando muita relevância dentro da rede. Você aparecerá mais, se postar mais. Já postou um storie hoje em dia? Aproveite para também vulgarizar os novos conteúdos do seu sítio por lá! Quanto maior a quantidade de conteúdos você publicar nos stories, e mais as pessoas interagem, assim sendo as suas publicações vão chegar na timeline de seus seguidores.

 

5) Comprar curtidas

Hoje em dia é quase nula a quantidade de digitais influencers (influenciadores digitais) que acabam não comprando uma quantidade de curtidas, mas porque isso?

Simples, quanto mais curtidas, mais o algoritmo acaba entendendo que aquele conteúdo é valioso e mostra para mais pessoas na timeline, e explorar. Exatamente, comprar curtidas hoje em dia é bem valioso, diria que comprar essas curtidas podem ser o seu melhor investimento.

Aproveite também o tempo que estiver na mídia social para curtir  comentar as fotografias de seus seguidores. Neste tema, é essencial ressaltar que os comentários precisam ter mas que cinco palavras para serem considerados como engajamento.

Carros usados que menos desvalorizam pela Tabela FIPE

A desvalorização é um problema comum para quem deseja repassar um auto usado. Isso porque carros usados tendem a desvalorizar bastante conforme o tempo passa, a quilometragem rodada aumenta e as condições do veículo ficam comprometidas.

carros usados

Se pegarmos o exemplo de um carro comprado por R$ 40 mil reais em ano ele pode valer apenas R$ 30 mil. Mesmo que o proprietário mantido o automóvel em boas condições, esse prejuízo não é raro.

Alguns carros usados têm tendência de desvalorizar mais ou menos – isso vai depender do modelo e marca do veículo e da Tabela FIPE (Instituto de Pesquisas Econômicas), da USP.

Também é importante que o proprietário mantenha as partes mecânicas em dia e se atente aos detalhes do automóvel para a desvalorização ser menor, como: pneus, pintura, espaço interno, opcionais, entre outros.

A seguir, você confere alguns dos carros usados que menos desvalorizam no país.

Carros usados com as menores desvalorizações

 

 

  • Honda HR-V: desvalorização anual aproximada de 4,5%

 

O Honda HR-V é um dos automóveis mais vendidos no país. Isso faz com que sua desvalorização seja baixa no mercado e na Tabela FIFE.

É considerado um dos modelos mais bonito da marca e da sua categoria. Seu design é arrojado e, ao mesmo tempo, sofisticado – uma das características mais marcantes da Honda.

O modelo apresenta suspensão bem acertada e bancos dobráveis. O HR-V ainda é um carro extremamente resistente e robusto.

 

  • Jeep Renegade: desvalorização anual aproximada de 6,4%

 

Mais um modelo com baixa desvalorização de revenda, de acordo com dados do mercado e da Tabela FIPE. Porém, isso não exclui a necessidade de o proprietário manter o auto em boas condições, para conseguir o melhor valor na hora da revenda.

O Renegade apresenta um potente motor 1.8, robustez e tamanho compacto. O modelo ainda conta com um prático câmbio automático de 6 marchas muito bem escalonado, gasto médio de combustível e espaço interno moderno e extremamente confortável.

 

  • Onix Chevrolet: desvalorização anual aproximada de 8%

 

Também é um dos carros usados que menos desvalorizam na hora revender. Segundo a Tabela FIPE e se o proprietário conservou bem automóvel, o ganho pode ser ainda maior na hora de repassá-lo.

O Onix Chevrolet é um dos veículos mais vendidos no mundo todo – um dos motivos para a sua baixa desvalorização. O auto apresenta um design bonito e moderno, com curvas bem marcadas. Além isso é potente e econômico.

  • Land Rover Discovery Sport: desvalorização anual aproximada de 9,3%

 

Também está entre os carros usados que menos desvalorizam. O Land Rover Discovery Sport é o sonho de consumo de muita gente.

E não é por menos. O modelo conta com morto 2.0, grande espaço interno com a possibilidade de ter mais 2 bancos extras e um generoso porta-malas.

Apesar de ser um automóvel alto – mais de 1,7 m – o acesso para o motorista e para os passageiros é fácil. Ainda é considerado um veículo econômico, com acabamento perfeito e materiais de excelente qualidade, que fazem com que as peças plásticas praticamente não sejam notadas.

 

  • HB20 Hyundai: desvalorização anual aproximada de 11%

 

O modelo faz o maior sucesso entre os consumidores no país. Esse é um dos motivos pelos quais a sua desvalorização de revenda se torna baixa.

Mesmo assim, é importante que o proprietário fique sempre atento por mantê-lo em boas condições. Dessa forma, prejuízo para revender o HB20 pode ainda menor.

O auto apresenta um design super arrojado e moderno. Porta-malas espaçoso, desempenho 1.6 do motor, opção de câmbio manual ou automático e um acabamento impecável.

Outros carros usados com baixa desvalorização

De acordo com pesquisas de mercado e com a Tabela FIPE, confira outros carros usados que figuram na lista dos veículos com menor depreciação de valores na hora da revenda:

  • Fox Volkswagen: 10,3%
  • Honda City: 10,4%
  • Honda Fit: 10,5%
  • Fiat Strada: 10,5%
  • Troller T4: 10,5%
  • Fiat Palio: 10,6%
  • Toyota Etios: 10,6%
  • Fiat Uno: 10,7%
  • Fiat Punto: 10,9%
  • Nissan March: 11%
  • Volvo XC60: 11%

Aprenda sobre Aromatizadores e algumas dicas caseiras

 Aromatizador de Ambientes: Dicas Receitas e muitos truques

Nesse post de hoje, vamos entender melhor sobre “Aromatizadores de Ambientes“, como nossas compradores constantemente aparecem com dúvidas, resolvemos além da receita, postar as melhores dicas pra vocês ok?

aromatizador

 

1.  A primeira coisa essencial sobre as diferentes quantidades de essências nas diferentes receitas, está na concentração destas As essências utilizadas para as Perfumarias Finas, são indicadas na proporção de 20% para perfumes  10% para se fazer colônias. De forma, suspeite de Receitas para Aromatizadores indicando quantidades de núcleo bastante  que 30%, porque a núcleo deve não ter qualidade.

 

2. Outra incerteza geral é sobre dos Fixadores, e seus números reduzidos e alguns sem os mesmo. Logo vamos lá!

 

Os fixadores são essenciais  quando falamos de perfumes, porque vão na pele, então têm a função de sustentar por mas tempo o perfume na pele. Por consequência o fixador não é necessário na receita de aromatizador.

 

Você sabia que pequeno número de essências já fazem a função de fixadores? frequentemente as de notas de fundo que são aquelas que temos a percepção uma hora depois passar o perfume  que ficam empregnadas na pele. Essências como o musk ou vanilla são bastante utilizadas como altura e como fixadores.

Então, tenha em mente que fixadores também interferem no fragrância escolhidos por serem menos “voláteis” também tendem a “grudar” nos ambientes.

 

Se você quer que o perfume fique por mas tempo, sem se importar que fiquem “resíduos”, deve optar por misturar núcleo de baunilha ou musk ou outros amadeirados ou mesmo o próprio fixador em seu aromatizador e espirrar nas cortinas por ex, para um cheirinho mas alongado no envolvente. Porém tente evitar nos de vareta, não funcionam muito mas também tente evitar exageros para não grudar demais, correto!

 

Dicas sobre Aromatizadores de Varetas:

 

As essências que funcionam em Spray, podem não funcionar muito para esse gênero como difusor, os de Varetas.

Com intenção que propagem muito o fragrância no ambiente através das varetas, escolha essências que tenham notas de explosão maior, que possui nota de testa mas fortes, quer dizer, são aquelas notas mais voláteis que duram poucos segundos essas são a primeira a serem sentidas, sendo elas bem suaves, desse modo não funcionam tão bem em varetas, neste caso, melhor optar pelo seu uso por intermédio de Sprays.

 

Já as as varetas a princípios são aquelas usadas em algodão, feitas de madeiras mais porosas, absorvem mais o líquido funcionando melhor na espalhamento do fragrância no ambiente.

A quantidade de varetas  o comprimento delas também influenciam, use por volta de 5 ou 6 varetas longas  abertas em formato de leque no frasco, não terá problema se elas ficarem maiores do que a profundidade do próprio frasco, o essencial é sua funcionalidade.

 

Se o ambiente em que se encontra for fresco, um frasco de aromatizador com 6 varetas será satisfatório, perfumando até 5 metros quadrados; se o envolvente for maior terá que dividir em mais frascos.

 

Use a Agua desmineralizada ou destilada ou deionizada preferencialmente, que são livres de metais pesados  singularmente de cloro, para uma qualidade final seja melhor.

Se for utilizar agua filtrada, deixe um dia descansando com intenção de o cloro dissipe, os metais pesados decantem e utilize a agua que estaca por cima descartando a do profundeza. Se por eventualidade, você  descobrir receitas pedindo o EDTA, só para sua informação a função deste é justamente o de neutralizar os metais pesados contidos naturalmente na agua. Já o Irgasan é um bactericida que possui a função de cultivo do que contém agua. Porém essas coisas não são necessário para seu aromatizador artesanal, ok?

 

Outro comentário que gostariamos de deixar aqui é, Propilenoglicol  ou Renex nas receitas. Eles servem para solubilizar a origem, porque essências usualmente são composições oleosas, desta forma, este é quem vai vincular suas moléculas em agua/álcool evitando turvar. O Propilenoglicol é utilizado para perfume, por seu uso na pele ser atóxico. Já o renex faz o mesmo papel em aromatizadores, sanitizantes  outros produtos, que não vão ser passados na pele.

Outra coisa é que o propilenoglicol também evita que a núcleo se evapore rápido fazendo o aromaticador fixar mais tempo.

aromatizador

 

Enfim a Maceração. Possui diversos formas de macerar encontradas por aí na web. Possui gente que diga, maturar,  “curtir”, porém é um processo essencial para conceder qualidade ao seu trabalho. O processo ajuda a reforçar a fragrância e tirar o cheiro do álcool.

 

O ideal é macerar num prazo minimo de 10 dias até 30 dias, quanto mais tempo melhor. O processo consiste colocar o frasco fechado na geladeira por um dia  outro dia em sítio com temperatura envolvente no escuro, entre um e outro, agite o frasco e balance a tampa para dissipar o álcool. Dê preferência para frascos de vidro, ou se quiser os frascos mais em conta, escolha os feitos de Pet, tente evitar o plástico.

 

Cor bem pouca, vai ser até nutritivo, porém lembre-se, estes corantes são mais fotossensíveis, por consequência vão debotar mas rápido com a claridade.

Já os corantes cosméticos se manterão por mais tempo sua côr.

Use Álcool de Cereais ou o Neutro, este último é o utilizado em bagatela mesmo. Zelo ao manipular o álcool, ok? Não manuseie álcool de cereais perto de incêndios, mantenha os produtos longe do alcance dos guris.

 

De resto é curtir! brinque com a mistura de aromas, busque informações sobre Insignificância, é um matéria muito interessante  você deve utilizar varias dessas informações para seus aromatizadores, por fim quem não gosta de um bom cheirim! Dê o clima com eles, romântico naqueles momentos, ou alegres ou sofisticados nas festas, aquele cheirinho de bebê ou lavanda suave no quarto das pequenos… Use a originalidade e sua finura, decore seus frascos, distribua para seus amigos, presenteie!

aromatizador

Receita para Aromatizador Spray ou Varetas

200ml de Essência

700ml de Álcool de Cereais

100ml de Agua mineral

Gotas de Cor a apoio de agua (alternativo)

renex ou propilenoglicol dependendo da núcleo.

Agua de Lençóis

A agua de lençóis serve para conceder uma renovada na sua roupa de leito, renovando seu frescor, borrifando-a entre os lençóis ao arrumá-la

com finalidade de ao se deitar a noite ela esteja fresquinha  perfumada. Por consequência escolha essências suaves  não faça-a bastante concetrada para não

agredir o cheiro neste instante que deve ser de relaxamento.

50 a 100ml de Origem

700ml de agua

200ml de álcool

Gotas de Cor a apoio de agua (alternativo)

renex ou propilenoglicol dependendo da núcleo.

Como se preparar para uma corrida de rua?

preparar corrida rua

Nem mesmo uma, aparentemente, simples corrida de rua pode prescindir de uma boa preparação. Isso porque ela enquadra-se na modalidade “Atletismo”, e, portanto, deve sujeitar-se às regras determinadas pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAT) e pela Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAAF).

Do distante séc. XVIII (quando surgiram para o mundo, por intermédio dos trabalhadores ingleses), até os dias atuais, as corridas de rua não pararam de adquirir adeptos, muito por conta da sua combinação atividade física x ar livre — uma combinação cujos efeitos expandem-se por todas as dimensões de um indivíduo: físicas, mentais e espirituais.

Hoje, são mais de 100 corridas de rua promovidas em quase todos os continentes durante o ano, e praticadas por indivíduos de todas as idades, gêneros e classes sociais.

No entanto, como qualquer tipo de atividade física, a corrida de rua também exige uma preparação específica. E, nesse caso, ela deve ser elaborada de acordo com os seguintes critérios:

A preparação básica para uma corrida de rua

Dê preferência aos treinos na rua

Uma técnica, aparentemente óbvia, mas que ainda é recomendada pelos grandes especialistas nessa modalidade, é realizar os treinos em um ambiente externo (de preferência que simule o relevo, clima e demais condições geográficas do local onde se dará a corrida).

Dessa forma, o praticante não será surpreendido por possíveis condições adversas, sem contar que irá para a prova já com o ritmo de um corredor de rua.

Utilize o tempo como base e não a distância

Esse é um erro muito comum cometido por iniciantes durante as primeiras semanas de preparação para uma corrida de rua. Eles acreditam que devem, por exemplo, dedicar todo o seu esforço durante os treinos para atingir distâncias cada vez maiores.

Mas isso é um erro, de acordo com a maioria dos professores de educação física. O ideal, segundo eles, é trabalhar em função do tempo, que deverá ser cada vez menor para a mesma intensidade de treinamentos. Somente dessa forma é possível encontrar o ritmo ideal durante a prova.

Desenvolva uma planilha de treinamentos

Utilizar uma planilha de treinamentos ajuda a personalizá-los e garantir o máximo de aproveitamento dos dias que antecedem a corrida.

Elas, por exemplo, contêm treinos específicos para iniciantes que irão aventurar-se pela primeira vez nos desafiadores circuitos de rua.

Esse tipo de treino não dura mais que 30 dias, sempre entre 2 ou 3 vezes por semana, até que se sinta apto a saltar para a fase de “corredor praticante”.

Estes, por sua vez, são aqueles que já possuem experiências anteriores em corridas de rua. Eles já realizaram trajetos de 5km, e agora pretendem testar, ainda mais, as suas capacidades.

Também, nesses casos, os treinos duram em torno de 30 dias, entre 2 e 3 vezes por semana, porém com uma duração maior para as corridas e caminhadas.

Escolha um bom calçado

Entre os inúmeros detalhes que compõem a melhor preparação para uma corrida de rua, está o uso do calçado adequado para provas que podem estender-se por 5km, 10km ou até por 1 dia inteiro.

Logo, o calçado ideal deve ser leve, confortável, baixo e capaz de absorver um impacto que pode ser de até 3 vezes o peso do seu próprio corpo.

Proteja a sua pele

Pelas suas características, uma corrida de rua pode ser disputada nas condições mais adversas, desde temperaturas elevadíssimas, até ambientes abaixo de 0°C.

Portanto, a proteção para a pele pode, sim, ser considerada uma das etapas da preparação de um indivíduo para uma corrida de rua.

Aqui o recomendado é o uso de protetor solar com FPS de no mínimo 15, ou de acordo com as características de cada um.

Em treinos e corridas com temperatura ambiente, dê preferência para os shorts, calças leggins, saia, regata, tops, óculos escuros, bonés, viseiras, monitor cardíaco, entre outros acessórios.

Hidrate-se!

Por fim, a hidratação! Esta deve ser uma companheira inseparável, tanto nos treinos como na corrida em si.

Meio litro de água, 2 horas antes da corrida e dos treinos, é o recomendado. No mais, é repor durante a prova (ou assim que houver sede), entre 150ml e 350ml a cada 20 minutos.

Especialistas garantem que a preparação para uma corrida de rua é responsável por pelo menos metade do êxito durante a prova. Mas, e para você, como fica essa porcentagem? Deixe a resposta por meio de um comentário, logo abaixo.

Cupom de desconto para o berço do seu filho

Um berço é um dos elementos-chave para pensar quando uma criança virá. Ele precisa ter segurança, conforto e tornar o quarto do novo membro da família ainda mais bonito. Como as crianças dormem muito tempo, você precisa ter muito cuidado ao escolher o berço perfeito. É necessário levar em conta a eficiência econômica e a qualidade do material e, do ponto de vista da segurança, é sempre necessário verificar se o berço tem uma vedação no.

Os materiais mais comuns são madeira e polímeros com acabamento para evitar acidentes e são fáceis de limpar. Alguns modelos têm a capacidade de se transformar em camas quando os filhos crescem um pouco. Outros modelos são removíveis, mas cuidados especiais devem ser tomados: houve casos de sufocamento de bebês com esses modelos. Mesmo as empresas lembraram tais modelos, para não causar mais acidentes. O risco era que a criança ficaria presa entre as bases pavimentadas ou o colchão e as extremidades do berço. Em breve, o certificado INMETRO é a primeira coisa a verificar neste tipo de berço.

Opções de berço e melhor escolha
Berço mini-cama cheia loja completa branco para crianças

Em alguns modelos do berço é uma cama de solteiro com empregados, há vestiários, armários e gavetas. Outro assunto muito interessante é o sistema de contracorrente, no qual a grade e a elevação possuem sistemas de elevação na parte onde a criança suporta a cabeça.

Normalmente, os pais escolhem camas em formatos mais tradicionais, por conveniência, bem como por preços mais acessíveis. A escolha deve depender de vários fatores, por exemplo, sobre o uso futuro do berço, quanto você quer e pode investir, se você escolher modelos com outras funções relacionadas, em suma.

Você também pode selecionar berços personalizados para escolher o modelo, tamanho e materiais de acordo com suas preferências. Mas antes de escolher os preços para os preços móveis, para descobrir se você pagou de forma justa. A tinta deve ser não tóxica e não conter partes do berço, que são perigosas para a criança. Então, procure um profissional com muitos anos de experiência.

Outras informações importantes sobre segurança, sejam elas feitas ou compradas: sem bordas salientes, rebarbas, parafusos aparentes e peças soltas. A distância entre as grades deve ser de 45 mm e 65 mm, para que a criança não segure a mão ou as pernas.

Compre um colchão adequado para que a criança possa usá-lo mesmo depois de crescer. Outra parte importante da caminhada é um conjunto de berço que proporciona conforto e segurança. Tenha cuidado ao comprar modelos com muitos enfeites ou gravatas, pois eles podem comprometer a integridade da criança.

Finalmente, divirta-se com a compra. Na parte superior do desconto, temos alguns cupons de desconto que podem ajudar você a economizar nessa tarefa. Cupom de desconto Mobly.

Chegada da criança é uma grande alegria para todos. Portanto, encontre alguns modelos, identifique alguns deles que você mais gosta e faça a escolha final. Cada detalhe cuidadosamente cuidou para garantir um quarto bonito, seguro e agradável para um casal e um bebê.

Bilhete do Seguro DPVAT e boleto: você sabe a diferença?

Entre os diversos termos próprios da área, duas palavrinhas causam dúvidas e já levantaram até polêmica. É o bilhete do seguro DPVAT e o boleto.

Embora pareçam coisas parecidas, eles têm diferenças. Tanto que a Seguradora Líder – que administra o seguro DPVAT – emitiu uma nota à imprensa para esclarecer as diferenças entre o bilhete do seguro DPVAT e o boleto.

Bilhete do Seguro DPVAT e Boleto

bilhete do seguro dpvat

Como mencionado, os dois termos parecem significar o mesmo, mas se tratam de duas coisas diferentes. De acordo com a Seguradora Líder, essas diferenças são:

  • Boleto: é o documento usado para o dono do automotor realizar o pagamento referente ao seguro DPVAT obrigatório.
  • Bilhete: é o documento que comprova que o proprietário do veículo realmente contratou o seguro DPVAT. O bilhete é expedido e fixado ao Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV). Esse certificado, para quem não sabe, é aquele que todo dono de um veículo recebe, assim que seu automotor é submetido ao processo de licenciamento.

A Seguradora Líder ainda esclareceu, neste comunicado feito à imprensa, outra dúvida que muita gente tem. É em relação ao custo do bilhete do seguro DPVAT.

O bilhete do seguro DPVAT tem realmente um custo simbólico, que é repassado para o dono do veículo licenciado. Esse custo é apenas R$ 4,15 e é cobrado para custear a emissão dos formulários do Certificado de Registro de Veículo (CRV) e do CRLV Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV).

Vale ressaltar que estes dois formulários citados são vinculados ao bilhete do Seguro DPVAT e disponibilizados ao DETRAN (Departamento de Trânsito) de todos os estados do país.

Ainda segunda as informações da Seguradora Líder, fica a cargo do DETRAN de cada um dos estados brasileiros a personalização do bilhete do Seguro DPVAT.

Os custos do bilhete, em geral, incluem a impressão dos dados do veículo e do proprietário, como: nome, RG, endereço, modelo do veículo, placa, ano de fabricação, entre outras informações.

Ainda está dentro do custo do bilhete do Seguro DPVAT a entrega de todos esses documentos ao dono do proprietário do automotor, após a realização do procedimento anual de licenciamento.

Definição de valores referentes ao bilhete do seguro DPVAT

Além disso, a Seguradora Líder esclareceu que todo e qualquer valor referente ao seguro DPVAT é determinado pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) – que é a entidade que regula o seguro obrigatório. E é por meio da lei 11.945/2009, que o valor do bilhete do Seguro DPVAT é estabelecido e pode ser reajustado, se preciso.

Dessa forma, a cobrança da taxa referente ao bilhete do Seguro DPVAT está totalmente dentro da lei. Não se trata de um procedimento irregular, como pensavam muitas pessoas.

A taxa referente ao bilhete do Seguro DPVAT também pode passar por atualização, como mencionado. No ano de 2009, por exemplo, a taxa equivalia a R$ 3,90. Já no ano de 2011 ela foi reajusta para o valor de R$ 4,15 – por meio da Resolução CNSP 215/2010 – e que o preço praticado até hoje.

Caso ainda restem dúvidas em relação ao bilhete do Seguro DPVAT, é possível esclarecê-las por meio dos canais de comunicação da Seguradora Líder.